fbpx

Alta performance produtiva com pecuária de precisão. Ganhos de até 50% de margem por cabeça.

pecuária de precisão

Alta performance produtiva com pecuária de precisão. Ganhos de até 50% de margem por cabeça.

A pecuária brasileira vem passando por mudanças profundas em sua estrutura e gestão da produção, onde a interação e integração entre pessoas, máquinas, processos, animais e sistemas vem se tornando fundamental para uma gestão com pecuária de precisão e foco em um produto de alta qualidade. Não há mais espaço para uma pecuária tradicional, caracterizada pelo achismo, empirismo e deduções, onde o uso das informações é pouco valorizado e que limita uma eficiente tomada de decisão pelos gestores, produtores e técnicos.

Confinamentos de alta performance

Dentro dos processos produtivos, ao olharmos os confinamentos, observamos que os sistemas de gestão pecuária apresentam uma configuração mais analítica e profissional quando comparado as outras fases. E quando pensamos nos confinamentos de alta performance, a adoção de tecnologias é o carro chefe para a obtenção de resultados eficientes. Os dados podem ser gerados por diferentes fontes de sistemas automatizados, como vagões forrageiros, cochos e balanças eletrônicas.

Conhecer e analisar os dados relacionados a nutrição do animal, que podem ser obtidos via monitoramento do peso dos animais, permitem que haja uma melhor avaliação das dietas fornecidas provendo uma maior eficiência alimentar, visto que dietas mal ajustadas geram resultados inesperados. Monitorar e avaliar o consumo das dietas permite realizar estimativas do ganho de peso dos animais em determinado período, por exemplo. Além de permitir melhor controle e gestão financeira, visto que a dieta representa cerca de 70% dos custos de um confinamento. E ao entendemos o comportamento alimentar dos animais, estabelecemos um importante meio para detecção precoce de falhas de manejo e qualidade da dieta.

Da mesma forma, entendermos a curva de ganho de peso dos animais é primordial para que um confinamento tenha alta performance e atinja a sua máxima eficiência alimentar por lote.

Análise diária de desempenho

O ganho de peso dos animais não é linear e o conhecimento da curva de crescimento pode variar entre os animais de um mesmo grupo, e através deste conhecimento é possível avaliar em que momento os animais reduzem o acúmulo de receita e, consequentemente, devem ser retirados do sistema.

Neste modelo de análise para tomada de decisão, deverão ser utilizadas todas as informações relacionadas ao custo de produção, (e.g. fixos, variáveis, mercado atual e futuro) além do desempenho dos animais para se obter o resultado do lucro. Os dados de peso dos animais coletados pelas balanças automatizadas em uma pecuária de precisão permitem o acompanhamento diário do ganho de peso individual e o desempenho dos currais, possibilitando a detecção do ponto ideal de abate.

Para comprovar a eficiência da inteligência de precisão na pecuária, a Intergado realizou a avaliação de um lote de 146 bovinos anelorados através de monitoramento, obtenção e análise de dados gerados por meio da Solução Intergado Beef.

Ganhos de até 50% de margem por cabeça

A avaliação ocorreu em animais com peso médio de 478 ± 41,39kg (CV: 8,6%), no período de julho a novembro de 2019. Quando os bovinos foram confinados foi realizado uma previsão de período de confinamento com 69 dias, com um ganho de carcaça dia de 1,160 kg e um ganho por animal de R$405,00.

A partir dos monitoramentos diários de ganho de peso individual dos animais e o lucro diário por cabeça pela solução, foi possível realizar uma prescrição de manejo para o lote durante o período de confinamento. Os animais foram manejados para que fosse realizado o aparte do lote para abate em diferentes grupos (descasque do lote). Nessa prescrição, o lote foi enviado para o abate em três lotes distintos, com 73, 106 e 117 dias. Este manejo demonstrou que houve um ganho de carcaça/dia de 1,232 kg e um ganho por animal de R$603,00. Ou seja, a prescrição a partir da solução Intergado Beef para coleta, monitoramento e análise de dados, permitiu um aumento de 49% a margem por cabeça confinada.

Tabela 1. Avaliação – Dados zootécnicos dos grupos de abate.

Tecnologias de precisão para alta performance

A análise diária de desempenho realizada em conjunto com os demais dados coletados durante o confinamento, permitirá um avanço na forma com que os sistemas de produção são gerenciados, estabelecendo criadouros altamente rentáveis para o produtor. A adoção de tecnologias baseadas em pecuária de precisão permite a individualização da informação e, consequentemente, a compreensão das varáveis do animal e o seu efeito sobre o resultado econômico da produção. Portanto, ter precisão é a garantia de gerar bons modelos estatísticos capazes de orientar as melhores tomadas de decisão.

Saiba mais: Solução Intergado Beef.

Related Posts